NBA remodela quadras no México ao estilo do país

Três canchas ganharam cores vibrantes

Por Alice Barbosa, jornalista e CEO do Árbitros NBA

A NBA, em comemoração aos seus 75 anos, lançou um projeto de reforma de três quadras no México. As áreas esportivas receberão uma pintura especial com as cores vibrantes que caracterizam o país. No último domingo, dia 13, foi inaugurado o espaço de Torreón, no estado de Coahuila, norte da república. O ex-jogador da liga, o pivô Horacio Llamas, que atuou por dois anos no Phoenix Suns, estava presente e foi homenageado na pintura de um mural.

Llamas e sua jersey número 17 do Suns. Foto: Mariana González.

Brasil, Argentina e República Dominicana também terão iniciativas semelhantes impulsionadas pela liga. No dia do evento de inauguração da quadra em Torreón, uma clínica foi realizada com mulheres atletas, que puderam estrear o lugar recebendo orientações e dicas profissionais sobre basquete.

Clínica de basquete para atletas, realizada na nova quadra mexicana. Foto: divulgação/Noticias del Sol de La Laguna

A nova quadra também servirá como uma referência cultural, além da esportiva, na região de Ejido la Paz. Esta ação é um desdobramento do trabalho da NBA Cares, divisão filantrópica da liga, na América Latina.

Confira algumas fotos da quadra de Torreón:

Foto: divulgação/NBA México
Foto: divulgação/NBA México

A última fotografia foi elaborada para ser utilizada verticalmente como wallpaper para dispositivos móveis. Salve a imagem abaixo e a instale em seu celular:

Foto: divulgação/NBA México

NBA remodels courts in Mexico

Three “canchas” will have a vibrant color

By Alice Barbosa, sportswriter, and Árbitros NBA CEO

Commemorating its 75th anniversary, the NBA launched a court reform project in Mexico. The sports areas will receive a unique painting with the vibrant colors that characterize the country. Last Sunday, the Torreón space was inaugurated, in the state of Coahuila, in the north of the republic. The former league player, center Horacio Llamas, who played for two years at Phoenix Suns, was present and was honored in the painting of a mural.

Brazil, Argentina, and the Dominican Republic will also have similar initiatives driven by the league. On the day of the opening event of the court in Torreón, a clinic was held with female athletes who were able to open the place, receiving guidance and professional tips on basketball.

Photo credit: NBA Mexico

The new court will also serve as a cultural reference, in addition to the sports one, in the region of Ejido la Paz. This action is an offshoot of the work of the NBA Cares, the league’s philanthropic division, in Latin America.

Check out some photos of the court of Torreón:

Photo credit: NBA Mexico

The last photograph was designed to be used vertically as wallpaper for mobile devices. So, save the image below and install it on your mobile phone:

Photo credit: NBA Mexico

F1 & Style

Vanity Fair shows F1 drivers to talk about the Netflix series “Drive to Survive”
By Alice Barbosa, sportswriter, and Árbitros NBA CEO

Fashion and F1 have long been style and business partners, and Vanity Fair, in its April 2022 issue, writes about the launch of Netflix’s fourth season of the Drive to Survive series to showcase a few Formula 1 drivers with some stylish looks.

The issue photos were taken by Nick Riley Bentham, with styling by Michael Darlington and clothes and accessories by brands such as Louis Vuitton, Gucci, Tiffany & Co., Dior, Hermès, and Lanvin.

The magazine doesn’t focus on Lewis Hamilton, who loves fashion and is constantly present in fashion shows. Instead, the McLaren duo, Lando Norris and Daniel Ricciardo, George Russell of Mercedes, and Esteban Ocon (Alpine), are portrayed in the edition, with singer Grimes on its cover.

Check below for photos of the issue:

Daniel Ricciardo wears a blue Alexander McQueen suit and an Erdem sweater. The shoes are Salvatore Ferragamo, and two Hermès scarves have been customized as a belt.
Esteban Ocon shows his look: Lanvin coat, Berluti shirt over the Brioni T-shirt, Giorgio Armani pants and Manolo Blahnik shoes.
George Russell in a Valentino coat and Prada top.
Lando Norris: Louis Vuitton peacoat and Turnbull & Asser scarf.

Na pista do estilo

Vanity Fair mostra pilotos da F1 em um editorial sobre a série da Netflix “Drive to Survive”
Por Alice Barbosa, jornalista e CEO do Árbitros NBA

Moda e F1 são parceiros de estilo e negócios há tempos, e a Vanity Fair, em sua edição de abril de 2022, aproveitou o lançamento da quarta temporada da série Drive to Survive, da Netflix, para exibir alguns pilotos de Fórmula 1 com looks grifados.

As fotos do ensaio foram assinadas por Nick Riley Bentham, com styling de Michael Darlington e peças de marcas como Louis Vuitton, Gucci, Tiffany & Co., Dior, Hermès e Lanvin.

A publicação desta vez não foca em Lewis Hamilton, que respira moda e é presença constante nas revistas da área e em desfiles. A dupla da McLaren, Lando Norris e Daniel Ricciardo, George Russell, da Mercedes, e Esteban Ocon (Alpine), são alguns dos retratados na edição, que estampa a cantora Grimes na capa.

Confira abaixo algumas fotos do ensaio e a legenda com as griffes mostradas nos cliques.

Lando Norris, de casaco Louis Vuitton e lenço Turnbull & Asser.
George Russell, com casaco Valentino e top assinado pela Prada.
Esteban Ocon mostra seu look composto pelo casaco Lanvin, camisa Berluti por cima da camiseta Brioni, calça Giorgio Armani e sapato Manolo Blahnik.
Daniel Ricciardo usa macacão azul Alexander McQueen e, por cima da peça, um suéter Erdem. Os sapatos são Salvatore Ferragamo, e dois lenços Hermès foram personalizados no look como um cinto.

Raio X com Carlos Oliveira

Por Alice Barbosa, jornalista e CEO do Árbitros NBA

Mais uma coluna Raio X, desta vez com as escolhas de Carlos Oliveira, árbitro da CBB, FBERJ e FBA.

Carlos é árbitro da FBERJ desde 2016, e, dois anos depois, passou a atuar pela CBB. Ele também trabalha nas modalidades 3X3 e no basquete em cadeira de rodas, sendo também membro da Associação de Árbitros de Basquetebol Máster (ABBM). Sua formação profissional longe do apito é em Tecnologia da Informação e consultoria em Seguros.

Confira abaixo um pouquinho de sua vida fora das quadras:

Nome completo: Carlos Henrique de Oliveira.
Nome na arbitragem: Carlos Oliveira.
Cidade de nascimento: Volta Redonda (RJ).
Atividade física preferida: basquete e tênis.
Melhor livro que leu: Mindset – A Nova Psicologia do Sucesso, de Carol Dweck.
Um filme inesquecível: Estrada para a Glória (2006), dirigido por James Gartner e estrelado por Josh Lucas e Jon Voight.
Prato preferido: comida japonesa.
Viagem dos sonhos: Grécia.

Estrada para a Glória é um filme que fala sobre as relações no basquete. Foto: divulgação/Megapix.

Lobos 1707: tequila with style

By Alice Barbosa, sportswriter, and Árbitros NBA CEO

Drink some tequila with style – that is the proposal of the bottle holder of Lobos 1707, LeBron James‘ tequila brand. It’s the first product of the Legacy collection, launched this year. With space for a bottle, the holder is produced in Italian leather, customized and handmade by Sheron Barber, a fashion designer known for his work with this fabric.

Lobos 1707
LeBron James chega ao All-Star Game de 2022 usando o case da sua marca de tequila, a Lobos 1707. Foto: divulgação/IG Lobos 1707.

Barber develops exclusive products in leather for many sports, such as motorcycling. Recently, he created 100 balls with Louis Vuitton pattern and logos from Super Bowl LVI teams – Los Angeles Rams and Cincinnati Bengals. The winner, Rams, was later honored with an exclusive ball, also made by Barber.

He showed us how he had sewed the ball in one of his Reels for Instagram – made from an NFL official one. Then, the designer shows to his audience, quickly, all the sewing details.

Details are the differential of Barber’s work, whose studio was named after him. This tequila bottle holder, for example, shows the wolf symbol of LeBron James’ company printed in the leather. The consumer who purchase this exclusive gift also will take home a keychain from James enterprise.

The aesthetic relates to the aged drink; therefore, the chosen leather tone was bronze, as the buckles of the handle are all in gold.

Featured photos: IGs LeBron James, Sheron Barber and Lobos 1707.

Lobos 1707: tequila com estilo

Por Alice Barbosa, jornalista e CEO do Árbitros NBA

Tomar tequila no estilo. Essa é a proposta do case com alça da Lobos 1707, a marca de tequila de LeBron James. A peça é a primeira da coleção Legacy, lançada neste ano. O compartimento, com espaço para uma garrafa, é produzido em couro italiano customizado e feito manualmente por Sheron Barber, estilista conhecido por seu trabalho com o tecido.

Dwyane Wade e LeBron James: tequila com elegância. Foto: divulgação/IG Sheron Barber.

Barber desenvolve peças exclusivas em couro para muitos esportes, como o motociclismo. Recentemente, ele criou 100 bolas de futebol americano com a padronagem da Louis Vuitton e as logos dos times do Super Bowl LVI – Los Angeles Rams e Cincinnati Bengals. O vencedor Rams foi posteriormente homenageado com uma bola exclusiva, também produzida por Barber.

LV e Rams: unidos pelo couro. Foto: divulgação/IG Sheron Barber.

Em um Reels de seu Instagram é possível acompanhar a manufatura da bola, criada a partir de uma oficial da NFL. Barber mostra para o público no vídeo, rapidamente, todos os detalhes do arremate e das costuras.

Detalhes são o diferencial do trabalho do artista, cujo ateliê leva seu nome. Na alça e no corpo do porta-bebidas do tequila, por exemplo, estão impressos o nome e o lobo símbolo da empresa de LeBron James. O consumidor que adquirir a peça exclusiva da 1707 levará ainda um chaveiro destacável, em formato do animal que é símbolo desse empreendimento da estrela do Los Angeles Lakers.

O chaveiro destacável tem o formato de um lobo. Foto: divulgação/Lobos 1707.

A estética do case remete à bebida envelhecida; por isso, o tom de couro escolhido foi o bronze, e os arremates da bolsa, como as fivelas da alça, são todos dourados. A proposta da peça é ser um complemento útil e elegante para um look noturno ou diurno.

Estética de tequila envelhecido. Foto: divulgação/IG Lobos 1707.

Foto de destaque: IG LeBron James.

Policial e parente de árbitro: conheça a arbitragem do evento All-Star da NBA

Por Alice Barbosa, jornalista e CEO do Árbitros NBA

Estar no evento do All-Star na NBA não é somente uma grande conquista para jogadores e técnicos. Os árbitros escolhidos também percebem esta convocação como um logro importante na carreira. Este ano, a liga selecionou nove profissionais, sendo três deles de dedicação parcial, para atuarem nos dias de festa na cidade de Cleveland, no estado de Ohio.

No All-Star Game, que acontece no domingo (20), entrarão em quadra para arbitrar o maior destaque do final de semana Kane Fitzgerald, Brian Forte e James Williams. Juntos, os três somam exatas 40 temporadas de experiência. Fitzgerald e Williams são exclusivamente crew chiefs, tendo também atuado em finais.

Para a partida da noite de sábado e o Rising Stars, veremos Jacyn Goble, Natalie Sago e Jonathan Sterling. Goble traz duas curiosidades em sua biografia – foi policial de Homícidios na cidade de Miami por 13 anos e é irmão de John Goble, também árbitro da NBA.

Jacyn Goble acumula seis temporadas na NBA, tendo sido oficial de polícia por mais tempo – 13 anos. Foto: San Francisco Chronicle.

Outro parente de apito é Sterling, este não por sangue, mas por laço. Ele é casado com Lauren Holtkamp, uma conhecida oficial dos fãs de basquete. E fechando o ciclo das coincidências de parenteco, Brian Forte, que estará no All-Star Game, é filho de Joe Forte, ex-árbitro da NBA.

Já no jogo das celebridades e na partida do Next Gem, teremos os três profissionais que ainda dividem as funções na liga com a G League. Robert Hussey, Clare Aubry e o canadense Matt Kallio terão a oportunidade de mostrar serviço e participarem da famosa celebração.

Clare atua na G League e pode estar na lista de profissionais que concorrem a uma vaga de tempo integral na NBA. Foto: Juan Ocampo/NBAE via Getty Images.

A lista com os nomes dos nove árbitros foi divulgada nesta semana, e a NBA faz uma pausa em sua temporada regular desde sexta-feira (18), até a próxima quarta (23). Na quinta-feira (24), a liga retoma a segunda metade do ciclo 2021-2022 com sete confrontos.

Foto do destaque: Getty Images.

Fátima Aparecida da Silva lança segundo livro

Fátima Aparecida da Silva é um dos principais nomes da história da arbitragem no Brasil – e a polivalente profissional quer mais. Nesta semana, foi lançado oficialmente pelo IBC (Instituto Brasileiro de Coaching) seu segundo livro, Como Mudar Sua Vida, uma coautoria em parceria com José Roberto Marques, coordenador editorial da publicação, responsável pela organização dos textos. Ele é o CEO e fundador do instituto, além de ter mais de 63 livros publicados em seu currículo.

Fátima Aparecida da Silva
Foto: divulgação/site Marlucia Fernandes.

Sua primeira experiência literária havia sido uma publicação técnica sobre basquete, voltada para os professores da rede estadual de São Paulo. Agora, com o novo livro, Fátima realiza um sonho – o de concretizar no papel algumas de suas experiências pessoais e profissionais.

Nesta primeira coautoria, ela relata algumas vivências, sem deixar de lembrar das pessoas que estiveram presentes nos momentos fundamentais de sua carreira – anjos, como Fátima os denomina.

Um sentimento e aprendizado incrível, que me levou ao autoconhecimento e ressignificação de muitas coisas. Entregar um texto e recebê-lo em um livro, com sua história registrada… Participar de um lançamento; tudo novo e maravilhoso. Sentimento indescritível.

Fátima Aparecida da Silva

Em maio de 2021, numa entrevista para o site, ela já relatava a necessidade criativa e também profissional do árbitro buscar outros caminhos na carreira e se arriscar em outras áreas:

Árbitros NBA: o caminho para o futuro de um profissional de arbitragem pode ser fora das quatro linhas, com essas empresas de gestão esportiva e eventos?

Fátima: com toda certeza. Muitas vezes, durante a carreira, o oficial precisa se ausentar por alguns dias e nem todas empresas permitem. Assim, o empreendedorismo é uma excelente opção. Conseguimos conciliar e gerenciar as duas funções, além de auxiliarmos outros oficiais a trabalharem e também abrindo portas, pois nem todos estão nas competições oficiais como Campeonato Paulista (FPB), outros nacionais ( NBB, CBA, LBF) ou internacionais ( BCLA, Sul-Americanos, etc).      

Foto do destaque: arquivo pessoal.

FBERJ promove curso de arbitragem 3×3 – inscrições abertas até segunda

O Departamento de Arbitragem da FBERJ (Federação de Basquetebol do Estado do Rio de Janeiro) promove curso de arbitragem de basquete na modalidade 3×3. O evento começa na próxima terça (25) e segue até o dia 12 de fevereiro. As inscrições estão abertas até o dia 24 (segunda) – clique aqui para mais informações.

O curso terá aulas presenciais e on-line. Os aprovados, além de receberem o certificado oficial de conclusão, serão incluídos como estagiários no quadro de arbitragem da federação.

Para Ana Carolina Zachi, árbitra internacional de 3×3 e instrutora do curso, ao lado de Ewaldo Ramos, o curso preenche tanto a necessidade de mais oficiais para a modalidade quanto para a expansão pessoal do profissional do apito.

“O curso de arbitragem 3×3 é muito importante para a expansão do nosso quadro de arbitragem e para que possamos tem uma rodagem maior nos campeonatos. O curso de 3×3 mudou minha perspectiva na carreira de árbitra, e acredito que pode mudar de muitas pessoas também.”

Ana Carolina Zachi

Foto do destaque: divulgação/Olympics.