Trae Young lesionado: árbitro teve culpa?

Crime e Castigo na NBA

Por Alice Barbosa, jornalista e criadora do Árbitros NBA

No último domingo (27), Trae Young lesionou o pé direito após pisar no tênis do árbitro Sean Wright, durante o jogo 3 entre Milwaukee Bucks e o time do Hawks, em Atlanta. Com isso, o pontuador da equipe não atuou na última terça (29), assistindo a partida do banco.

O jogador torceu o pé, sofrendo uma contusão. Segundo o jornalista Adrian Wojnarowski, da ESPN, ele tentou voltar para o jogo 4, porém ainda experimentava uma perda de mobilidade e dor constante.

Assista abaixo ao momento da lesão:

Sean Wright, que estará no jogo de hoje entre Phoenix Suns e Los Angeles Clippers, é um árbitro com 16 anos de experiência na liga. Ele ainda não atuou em nenhum jogo de final de NBA, mas, em 2019, ficou de plantão como substituto durante o período mais esperado do ano por torcedores e atletas.

O envolvimento recente de Trae Young com árbitros vem sendo uma situação delicada. Durante os playoffs deste ano, o jogador envolveu-se em polêmica ao simular gestos de que os árbitros não estariam enxergando bem durante a marcação de faltas.

Por coincidência do destino, Young lesionou-se justamente ao tropeçar em um árbitro. E, mais curiosamente ainda, o livro preferido de Sean Wright é Crime e Castigo, de Fiódor Dostoiévski.

Imagem: Amazon

Foto do destaque: Larry Brown Sports

Publicado por Alice Barbosa

NBA journalist and writer. Árbitros NBA creator, website/social media about NBA refereeing. ECB editor. Jornalista e escritora, criadora do projeto Árbitros NBA (site, Twitter e Instagram). Editora no Esporte Clube Basquete. Periodista y escritora, creadora del proyecto Árbitros NBA (sitio web, Twitter e Instagram). Editora en Esporte Clube Basquete. @aliceviralata @arbitrosnba

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: