Brooklyn Nets não é favorito ao título

Coluna Fala Luis
Equipe que é colocada como o melhor time da temporada, pode não ser campeã por conta de um motivo

Por Luis Fernando Julio, do canal SwishTV BR

A partir do momento que o Brooklyn Nets anunciou a contratação de James Harden, todo o mundo da NBA voltou seus olhos para o time, que formou um dos trios de ataque mais fenomenais que a liga já viu. Com Harden, Kyrie Irving e Kevin Durant, o Nets rapidamente se tornou um dos grandes (se não o maior) favoritos ao título da temporada neste ano. Após alguns meses, o time surpreendeu novamente e trouxe o ex-All-Star Blake Griffin, fazendo com que seu favoritismo aumentasse de forma gigantesca.

Mesmo sofrendo com lesões durante toda a temporada, principalmente de Durant e Harden, o time conseguiu garantir a segunda colocação no leste, com 48 vitórias e somente 24 derrotas. Teve grandes surpresas individuais em seu elenco, como o ala-pivô Nicolas Claxton, que se tornou uma peça muito confiável, e o ala-armador Bruce Brown, que substituiu KD durante sua ausência, com atuações muito boas e consistentes. Porém, uma lacuna no elenco comandado por Steve Nash não foi preenchida, e parece que nem será – a defesa.

O ataque simplesmente incrível e encantador do Brooklyn contrasta muito com a defesa totalmente mal montada que o time possui, contando apenas com Durant como um defensor acima da média. O time consegue ser um dos que mais pontuam e que mais sofrem pontos por jogo dentro da NBA, algo que se provou totalmente insustentável dentro dos playoffs da liga durante a história.

Vamos olhar para o Phoenix Suns onde jogava Steve Nash, atual técnico do Nets. Era um time com um excelente ataque, porém defensivamente não era um primor, e não conseguiu grandes sucessos com isso. Podemos também olhar para um exemplo mais recente, o Houston Rockets comandado por Mike D’Antoni – coincidentemente o mesmo que treinou o Suns citado. A equipe tinha a filosofia clara de fazer o máximo de pontos possíveis para compensar a falta de defesa, e vimos que não foi um esquema que se provou eficiente nos momentos decisivos da pós-temporada, e podemos dizer que o Nets de Nash segue esta mesma linha.

BIG3 do Nets. Foto: ESPN.

Claro que nem o Suns e nem o Rockets tinham três jogadores do nível de Durant, Harden e Irving, jogadores que podem ser considerados top 10 da última década. Mas títulos, em geral, são vencidos por times que conseguem o maior equilíbrio entre ataque e defesa, como o Lakers campeão da última temporada – uma equipe com um ataque excepcional com LeBron James e Anthony Davis, porém com uma defesa tão boa quanto. O Toronto Raptors, um time extremamente organizado e compacto; a própria dinastia Golden State Warriors, franquia letal no ataque e muito forte na defesa.

Não que o Brooklyn não possa ser campeão por conta da falta de defesa; jamais se deve apostar contra um BIG3 como eles têm. Mas também é arriscado pensar que somente um ataque fenomenal dará o título ao Nets. Já vimos diversas vezes que ser bom em apenas uma área do jogo não costuma ser a melhor estratégia para ser campeão.

Publicado por Alice Viralata/Alice Barbosa

NBA journalist and writer. Árbitros NBA creator, website about NBA refereeing - visit our Twitter and Instagram! Jornalista e escritora, criadora do projeto Árbitros NBA (site, Twitter e Instagram). Periodista y escritora, creadora del proyecto Árbitros NBA (sitio web, Twitter e Instagram).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: